AVISO IMPORTANTE!

Amanhã não teremos sessão novamente, a data não está disponível para a liberação do Anfiteatro da Fepi.

Agradecemos a compreensão ;)

ATENÇÃO!!

Essa semana não teremos sessão no Cineclube Capivara, na próxima semana colocaremos a votação dos filmes Chilenos e faremos a sessão do filme Latino-Americano escolhido no dia 24 de setembro.

Obrigada pela compreensão ;)

64ª sessão do Cineclube Capivara apresenta: "Pollock", sobre a Vida e a Obra de um artista.


No próximo sábado teremos um filme bem voltado para a arte. "Pollock" nos mostra a história desse grande pintor que saiu em uma manchete na revista LIFE com os seguintes dizeres:

"Jackson Pollock: será ele o maior artista vivo dos Estados Unidos?"

Pela chamada da revista imaginamos o quão bom ele era!

Ele foi reconhecido nacionalmente como a 1ª celebridade estadunidense nas artes plásticas e seu estilo corajoso e radical ditava rumos da arte moderna. Mas, Pollock tinha tormentos na vida, o que inicialmente ajudou na carreira. Esses problemas começaram a atrapalhá-lo e com a sua tentativa de lutar contra si mesmo o artista entrou numa espiral decadente, fazendo com que destruísse seu casamento, sua carreira e sua própria vida.

O Cineclube Capivara trará para Itajubá essa opção no dia 10 de setembro, às 18:30h. Com Ed Harris no papel de Jackson Pollock e outros atores como Marcia Gay Harden e Jennifer Connelly.


IMPORTANTE: A sessão desse sábado foi cancelada!

Boa tarde, pessoal!

Pedimos desculpas pelo cancelamento da sessão de hoje. Houve uma confusão com as datas liberadas pela FEPI.

O filme "The Rocky Horror Picture Show" será exibido no dia 27/08.

Agradecemos a compreensão!

"The Rocky Horror Picture Show" será o filme da nossa próxima sessão do Cineclube Capivara, dia 20/08.


A comédia musical de horror, The Rocky Horror Picture Show, foi lançada primeiro no Reino Unido em 1975.

O filme foi dirigido por Jim Sharman, que a baseou em uma de suas peças escrita juntamente com Richard O'Brien, quem compôs as canções.

Sinopse: Um casal, depois de seu noivado, vai atrás do professor que os apresentou, no caminho eles têm um problema com o carro e acham um castelo onde podem pedir ajuda. Mas o que eles vão encontrar nesse castelo são criaturas e coisas inimagináveis e vocês descobrirão no dia 20 de agosto no Cineclube Capivara.

Comenta aí quem vai no Cine para saber o que vai acontecer e que vão participar na discussão logo após a sessão ;)

62ª sessão do Cineclube Capivara terá um grande filme de Fellini: SATYRICON, dia 06 de agosto!


Depois de umas férias, e de uma grande saudade do Cineclube, nós voltaremos com o filme ganhador do tema TABU.

A obra de Fellini, Satyricon, ganhou de outros grandes como Querelle.

Satyricon, como o nome indica, é uma sátira feita à Roma Antiga e suas aventuras sexuais.

O filme italiano de 1969 foi baseado no livro homônimo escrito por Petrônio (autor romano) no século I. Federico Fellini a adaptou com piadas surrealistas e com um tom lisérgico e psicodélico.

Quer saber mais do filme? Venha assisti-lo conosco no dia 06 de agosto às 19h.

Cineclube Capivara: trazendo uma opção cultural para a população itajubense.

A 61ª sessão do Cineclube Capivara, neste sábado dia 02, traz um filme de Lindfsay Anderson: "If"




O filme dessa semana retrata a Rebeldia Escolar, que foi o tema da votação no último sábado.

"If...." é uma obra inglesa de 1968 e os seus personagens, estudantes de uma escola particular inglesa, se mostram descontentes com os métodos disciplinares a que são submetidos. Assim começam a promover uma rebelião (nesse caso armada).

O filme "Se...." foi ganhador da Palma de Ouro em Cannes e um dos seus atores é o grande Malcolm McDowell, que fez filmes como Laranja Mecânica.

Olha o McDowell já velhinho aí:

E você aí, tá reclamando que em Itajubá não tem nada pra fazer? Curta essa opção cultural!

Próxima sessão será dia 25/06! "Esta Noite Encarnarei no Teu Cadáver" foi o filme escolhido para a sessão Latino-americana.

Esse filme, do diretor brasileiro mais conhecido como Zé do Caixão, é uma continuação de "A Meia-noite Levarei sua Alma".

Na obra que assistiremos, Zé continua sua busca obsessiva pela mulher ideal capaz de gerar um filho perfeito. Com a ajuda do seu fiel criado Bruno ele rapta 6 lindas mulheres e as submetem a torturas, a mais corajosa poderá ser a mãe de seu filho.
Mas Zé do Caixão comete um crime imperdoável, e por isso é levado, através de um pesadelo, a um inferno gelado, onde reencontra suas vítimas.

A cena do inferno é a uma espetacular sequência em cores no filme. E você não vai querer perder a oportunidade de assistir um filme do sinistro Zé do Caixão, vai?



Lembrando que essa semana não teremos o Cineclube Capivara por causa do arraiá open bar e open food "Sistema Junino", que acontecerá na Helibras, a partir das 18h.
Convites (mulher R$15 e homem R$25) comigo ou com o Fábio.

Vida Cultural em Itajubá!

Filme da semana: "Uma Rua Chamada Pecado", de 1951.


O incrível filme "A Streetcar Named Desire" tem o ator lindo e forte Marlon Brando como protagonista e seu diretor é Elia Kazan.

O roteiro desse drama foi baseado em uma peça de teatro com o mesmo nome em inglês, de Tennessee Williams.

No começo do filme vemos Blanche DuBois chega à casa de sua irmã, Stella Kowalski usando o bonde da rota "Desire".
DuBois é uma mulher madura mas ainda muito atraente que tem a virtude como forte preocupação. E como todos nesse mundo, DuBois tem problemas.

Já no apartamento da irmã, que está grávida, ela começa a implicar com o cunhado, Stanley Kowalski, e se intrometar no casamento dos Kowalski.
Ao decorrer do filme os reais motivos de Blanche estar em New Orleans vão aparecendo e tudo na vida dos envolvidos muda.

Além de Marlon Brando, grandes atrizes e atores participam do filme, DuBois é representada por Vivien Leigh, Stella é Kim Hunter e o melhor amigo de Brando é Karl Malden, que em 1954 atuou com Marlon Brando novamente em "Sindicato de Ladrões" (filme de estréia do Cineclube Capivara em maio de 2009).

E aí? Gostaram da dica de filme? Já tinham ouvido falar?
Comentem aí =D

59ª sessão do Cineclube Capivara: A Primeira Noite de um Homem! Dia 11 de junho, especial do Dia dos Namorados!

O filme desse fim de semana será um especial para o Dia dos Namorados.

"The Graduate" é um filme de 1967 do diretor Mike Nichols e o ator Dustin Hoffman faz o personagem principal, Benjamin.


As primeiras cenas do filme se passam no aeroporto, após o desembarque de Ben, tendo como fundo musical a canção "The Sound of Silence".
Ben acaba de se formar na faculdade e está indeciso quanto ao que fazer em seu futuro e quanto às perspectivas. Na volta para casa ele é recebido entusiasticamente pelos pais que preparam uma festa de boas-vindas. Benjamin é seduzido pela mulher do sócio de seu pai, a Sra. Robinson.

Benjamin reencontra Elaine Robinson, a qual ele não via há muito tempo devido aos estudos. Após desentendimentos eles se apaixonam. A mãe(Sra. Robinson) fica furiosa e resolve acabar com as chances de Ben.

O filme tem a trilha composta por vários clássicos da dupla Simon & Garfunkel, como a música tema "Mrs. Robinson" ,  "The Sound of Silence" e "April Come She Will".


Para os casais namorados de Itajubá essa é uma ótima opção para curtir com o amor, além de que o Cineclube é uma ótima pedida cultural na cidade.
Esperamos vocês lá e esperamos comentários também! ;)

Velhas boas notícias para o Cineclube Capivara!

Boa noite, povo de Itajubá que gosta no nosso evento cultural!

Hoje foi encaminhada a mim uma carta, em que a Reitoria da FEPI libera o som do auditório para o Cine Capivara. Aleluia!! Agora não teremos problemas com o áudio como aconteceu no dia 28/05, que não pudemos passar o filme por falta de som.

Também na mesma carta foram liberadas todas as datas até fim do ano!

É uma confirmação que teremos filmes e discussões o ano todo...maravilha! Agora podemos dormir em paz que nada pode nos parar...heheheh

Aguardamos vocês na apresentação do filme "Sobre Café e Cigarros" nesse fim de semana (04/06).

58ª sessão do Cineclube Capivara: "Sobre Café e Cigarros". Dia 04/06, às 18:30h.


A sessão dessa semana, seguindo os temas, é mais para pensarmos e curtirmos, tanto que a temática é "Café".

E o filme escolhido serviu certinho, "Sobre Café e Cigarros" é uma série de 11 curtas nos quais os personagens conversam sobre diferentes assuntos. Tais como: picolés com cafeína, "Abbott e Costello", sobre o uso da nicotina como inseticida, Paris nos anos 1920 e outros mais.

No elenco temos Roberto Benigni, Iggy Pop e Steven Wright. E em todas as discussões e conversas as pessoas estão bebendo café e fumando cigarros.

Eu vou na sessão para curtir essa intitulada "comédia", gênero que eu quero confirmar se cabe ao filme.

Leitores do blog, por favor, nos contem se vocês já assistiram essa obra, se gostaram, se têm vontade de ver, enfim....comentem aí! ;)

Filme da semana: La Jetée.

O incrível filme experimental La Jetée(O cais) já passado no extinto Cinecurta é a dica da semana.

Disfarçado de ficção científica , o curta de Cris Marker, é aparentemente um projeto simples que ganha em complexidade com a passagem do tempo. O filme tem sua maior parte composta por fotos, mesmo assim é possível perceber a força imposta pela narrativa que provoca pensamentos e prova que para fazer cinema não é preciso movimento.









Situado em um futuro próximo e pós-apocalíptico, sobreviventes se escondem debaixo da terra, La Jetée é narrado por um homem que é levado ao passado para descobrir e impedir as causas da devastadora guerra.

Assista La Jetée ou vá essa semana ao CINECLUBE DAS 6 assistir a sua refilmagem. 

Opção de lazer e cultura em Itajubá nas noites de sábado, a 57ª sessão do Cineclube Capivara apresenta: Moscou contra 007.



Esse sábado, 21/05 às 18:30, o Cineclube Capivara apresenta o 2º filme de James Bond, o agente 007 super conhecido pelo mundo!

Nesse filme Bond, James Bond (Sean Connery) luta contra a maléfica organização Espectro para conseguir a máquina decodificadora soviética Lektor. Sua missão o leva a uma emocionante caçada de barco, um brutal ataque de helicóptero e uma turbulenta e mortal luta a bordo do Orient Express, provando mais uma vez que o agente 007 não pode ser detido.

O filme foi gravado parte em Istambul (Turquia), no Reino Unido, com a perseguição de barco e as cenas de helicóptero filmadas na Escócia e outros takes em Veneza, na Itália.



Esperamos vocês no auditório da Fepi, com pipoca, refri, doces e uma discussão sobre o filme no final da sessão.

Filme da semana: "Um Lugar na Platéia".


Na dica de filme dessa semana vou comentar sobre o filme francês "Fauteuils d'orchestre".
Filmado na maravilhosa Paris com todas as suas luzes, na Torre Eiffel, que aparece bastante nesse filme.

A menina linda, de cabelos curtinhos, Jessica tem sonhos para a sua vida. Para isso ela vai atrás de um emprego no Hotel Ritz, ideia de sua avó, que é obcecada por luxo. Sem conseguir esse serviço ela se contenta com uma vaga de garçonete em um café na Avenue Montaigne.
Perto do café existe um teatro, uma sala de concertos e uma casa de leilões, e por isso Jessica sempre serve pessoas do mundo artístico.
O teatro estreará um novo espetáculo, um pianista dará um último concerto e um triste colecionador de arte venderá seus quadros favoritos. Isso tudo na mesma noite. E, assim, o serviço da moça ficará agitado.

Gostei muito do figurino do filme, que foi lançado em 2006. É um filme muito divertido e que tem alguns ensinamentos também.

Fico muito agradecida ao Carvalho, que me presenteou com esse filme. ;)

56ª sessão do Cineclube Capivara, dia 14/05: "Sol por Testemunha". No auditório da Fepi.

Boa noite, capivarinhas!

A sessão deste sábado traz o filme "Sol por Testemunha" do ator Alain Delon.

Esse filme franco-italiano foi a primeira adaptação do livro "O Talentoso Ripley". Filmado em 1960, ele tem como elenco, além do ator considerado mais bonito do mundo, a atriz Marie Laforêt e Maurice Ronet, que atuou também com Alain Delon em "A piscina".

O diretor René Clement lidera as gravações da história de Tom Ripley, um cara frio e calculista, que foi contratado por um milionário para trazer o filho, Phillipe, de volta aos Eua. Para conseguir cumprir a missão Ripley torna-se melhor amigo do moço, mas quando Phil não aceita voltar ao país e Tom se sente ameaçado para completar seu serviço ele mata o playboy, toma o seu lugar e, para manter sua mentira, continua cometendo crimes.

Abaixo um vídeo do filme para vocês se animarem mais ;)
video

Próxima votação no Cineclube Capivara: filmes do homem considerado o mais bonito do mundo, Alain Delon!!

Para a próxima votação selecionamos 4 filmes do galã Alain Delon.
As meninas deviam aproveitar a sessão para curtir o ator e os meninos para se inspirarem nele...hehehe

Vamos para as opções que vocês terão que escolher:

O Eclipse - o filme de 1962, produzido na França e na Itália, tem como personagens principais Vittoria (Monica Vitti) e Piero (Alain Delon). Depois da mocinha discutir e terminar com seu ex, ela vai ao encontro de sua mãe na Bolsa de Valores, lá ela conhece Piero, o qual é um legítimo sedutor. No início ela resiste mas devagarinho ela vai se apaixonando.

Rocco e seus irmãos - a mãe viúva de Rocco (Alain Delon) e seus 4 irmãos busca uma vida melhor, para isso eles partem da Sicília para Milão, uma cidade cheia de indústrias. Já em Milão cada irmão segue uma vida diferente. Quando Simone (Renato Slavatori), um dos filhos da viúva, é abandonado pela amante, que tem se envolvido com Rocco, começa a degradação de uma família.

O Leopardo - essa obra-prima de Luchino Visconti traz uma história que se passa durante o "Risorgimento", processo de unificação da Itália. O príncipe Don Frabrizio Salina (Burt Lancaster) testemunha a decadência da nobreza e o crescimento da burguesia. O poder da nova classe é representado por Don Calogero, que casará sua filha Angelica (Claudia Cardinale) com Tancredi (Alain Delon), sobrinho de Salina.
Olhem quantos nomes famosos nesse filme!!

Sol por Testemunha - primeira adaptação do livro "O Talentoso Ripley", esse filme traz Tom Ripley (Alain Delon), o qual aceita a missão que um rico lhe deu de trazer de volta para casa seu filho Phillipe. Para isso Ripley, que é frio e calculista, se torna melhor amigo de Phillipe e assim se inicia um plano diabólico. A música de "Sol por Testemunha" é de Nino Rota.

Vão pensando em qual votar, dando suas opiniões nos comentários e nos vemos amanhã no auditório da Fepi para mais uma sessão do Cineclube Capivara!

Filme da semana: "Guerra e Paz" (1956), com a atriz Audrey Hepburn.


Boa tarde, pessoal!

Bem, como ontem foi aniversário da Audrey Hepburn e eu sou super fã, faço a estréia da nossa nova tag "Filme da semana" com a produção de Dino de Laurentiis "Guerra e Paz". Aproveitando também que ele nunca passou no Cineclube Capivara, vocês podem assisti-lo em casa.

Eu o assisti no ano passado e adorei. O filme foi baseado na obra literária de mesmo nome do escritor Leon Tolstoy.

Este épico é considerado um espetáculo visual que conta as histórias interligadas de três famílias aristocrásticas, o filme todo ocorre durante a invasão Napoleônica na Rússia, em 1882. E a história do filme é um rolo danado! Hehehe...porque é um que ama o outro mas se casa com a prima que é desejável mas é infiel, e assim por diante.

Basicamente o filme gira em torna da vida de Natasha Rostov (Audrey). Um herói da Batalha de Austerlitz, o príncipe Andrei (o gato do Mel Ferrer), que ficou viúvo se apaixona por Natasha. Mas ela é também a grande paixão do amigo do príncipe, Pierre Bezukhov (Henry Fonda).

E por trás de toda esse história tem a guerra e o quão interessa ela foi.


Sem contar que o figurino é ótimo! =D

Eu recomendo!

Só umas curiosidades: A atriz Audrey Hepburn e o seu companheiro no filme, Mel Ferrer foram casados entre 1954 e 1968. E nesse filme, o salário da atriz foi de $350 mil, o mais alto para uma atriz até o ano do filme.

Gostaram da nova tag? E da indicação do filme? Ficaram com vontade de assisti-lo?
Comentem aí!

Uma opção diferente em Itajubá, venha conhecer o Cineclube Capivara! Dia 07 de maio com o filme: "O Homem do Braço de Ouro".

Você mora em Itajubá e não quer ir novamente para os mesmos lugares no sábado à noite? Que tal ir à Fepi assistir um filme?

Essa semana passaremos o filme ganhador na votação: "O Homem do Braço de Ouro".
Nesse filme vemos uma grande atuação de Frank Sinatra como um viciado em drogas e ex presidiário que tenta ser um baterista em uma banda de Jazz. Com ele nesse filme, duas lindas atrizes, Kim Novak e Eleanor Parker, interpretam a amante e a esposa inválida, respectivamente.

Nós, do Cineclube Capivara, esperamos vocês para curtir o filme, comer uma pipoquinha e fazer novas amizades! A 55ª sessão será esse sábado, dia 07 de maio, às 19h.

Debate para a próxima sessão do Cineclube Capivara!

Boa noite, cinéfilos!

Amanhã, depois da nossa discussão da sessão, faremos a votação do próximo filme.
O próximo tema será Frank Sinatra. E nas opções teremos:

A um Passo da Eternidade - um drama com direção de Fred Zinnemann. Nosso ator escolhido não é o protagonista, mas o filme lhe rendeu um Oscar de melhor ator coadjuvante, atuando junto com grandes celebridades, como Burt Lancaster, Montgomery Clift e Deborah Kerr.

Sob o Domínio do Mal - filme de 1962. Raymond Shaw (Laurence Harvey) é um militar americano que, ao retornar da Guerra da Coréia, recebe as mais altas homenagens pelos seus atos de heroísmo. Mas em seu pelotão há incerteza de como tais atos de bravura foram cometidos e quando Bennett Marco (Frank Sinatra), seu oficial comandante e outro soldado começam a ter freqüentes pesadelos relacionados com a Coréia, eles chegam à conclusão de que todo o pelotão foi submetido à uma lavagem cerebral e que o "herói" era na verdade um soldado

O Homem do Braço de Ouro - ele interpreta um dos seus melhores papéis, um carteador que sonha em se tornar baterista de uma banda de Jazz. Enquanto tenta se livrar da dependência de drogas, tem um relacionamento com Molly(Kim Novak) e administra seu casamento com a esposa inválida(Eleonor Parker).

Eles e Elas - desta vez Sinatra contracena com Marlon Brando. Em Nova York, um apostador é desafiado a levar uma missionária, considerada uma mulher fria, à Havana. No entanto, os dois, com vidas totalmente diferentes, acabam se apaixonando e o desafio, que funcionava tão bem, já não funciona direito.

Vão pensando em qual votar amanhã na 54ª sessão do Cineclube Capivara!

CIneclube Capivara apresentará "El Topo" na sessão do dia 30 de abril.

Boa noite!

Nesse sábado teremos a sessão Latino-americana e como sub tema escolhemos filmes Mexicanos, mais precisamente do diretor Alejandro Jodorowski.
O escolhido pela galera foi "El Topo".

Esse filme é marcado pelo surrealismo, pela alegoria e é repleto de simbolismos cifrados. Nele acompanhamos um pistoleiro vagando sem destino pelo deserto. No caminho ele encontra todo tipo de perversidades e acontecimentos estranhos se superando em duelos para conquistar a fama de ser a pistola mais rápida do Oeste.

O diretor Alejandro Jodorowski fez o papel do "El Topo". A obra foi filmada em 1970 e o custo estimado da mesma foi de $400 mil. Seu filho, de 6 anos de idade, participou do filme.

Só por curiosidade: enquanto pesquiso sobre o filme me deparo com o 1º link que aparece, o qual indica os 11 filmes mais insanos, e não é que "El Topo" está em 2º.

Vocês estão convidados para assistir "El Topo"!! Esse sábado às 19h.

53ª Sessão do Cineclube Capivara! Dia 23/04.

Na nossa primeira Sessão Café será uma coletânea de desenhos politicamente incorretos.

Como comentado na última sessão a ideia para a próxima foi a de documentários ou animações que tivesses propaganda boa ou ruim de alguns assuntos como o Capitalismo, o racismo, entre outros.


Assim resolvemos pegar algumas animações, como Der Fuehrer’s Face em que o Pato Donald sonha que prepara munições para o exército alemão. 




Também demonstrações de quando os Flinstones ainda fumavam.
Popeye enfrentando japoneses na 2ª guerra.
Betty Boop dançando com crianças bem características.



Não percam Dia 23/04/2011 às 19h no Cineclube Capivara!

52ª Sessão do Cineclube Capivara: "Ed Wood", 16/04.

Ed Wood. Conhecem esse nome? Sabem quem é?
O diretor Tim Burton fez um filme sobre a vida dele, um outro diretor, só que de filmes trash e de ficção científica.

No filme vemos o making of de alguns filmes de Ed Wood, como Plano 9 do Espaço Sideral, já passado no Cine como vocês podem ver em: http://cinecapivara.blogspot.com/2009/10/proxima-sessao.html.

O "Ed Wood" da esquerda é o Johnny Deep no filme da nossa sessão e esse da direita é o Ed real.

Para quem quiser saber mais sobre a vida do cara, apareçam no Cineclube Capivara nesse sábado, às 19h.

Sessão 51ª do Cineclube Capivara: "A Cor da Romã", 09/04.

Boa tarde, Capivarinhas!!
O filme dessa semana é "A Cor da Romã"(1968) do diretor Sergei Paradjanov, nascido na Geóriga, uma das repúblicas na União Soviética.







Esse filme é considerado um trabalho revolucionário, o qual foi realizado sem diálogos ou
movimentos de câmera e é uma das grandes obra-primas do cinema do século XX.
A história é uma biografia de um músico, poeta e revolucionário da Armênia. Visualmente um deleite, um delírio imaginativo, um poema visual dos mais importantes já realizados. O filme foi proibido, remontado e permaneceu como um dos filmes mais importantes já realizados no
cinema.

Esperamos vocês no sábado, para assistirmos essa obra tão aclamada, discutirmos sobre ela e para comermos pipoca!!

A Nobre 50ª Sessão do CINECLUBE CAPIVARA!

Segue o Cartaz,

Um filme que todos deveriam assistir,  é um espetáculo cinematográfico.



Excepcionalmente as 18:00h.

Próxima Sessão do Cineclube Capivara (19/03): "A Idade da Terra" de Glauber Rocha!

Boa tarde, pessoal!

Postando direto de Malta num frio congelante, informo a vocês que a próxima sessão começará o nosso ciclo com um filme Latino, mais precisamente um filme brasileiro.

E na última sessão os presentes escolherem "A Idade da Terra" entre vários filmes do diretor Glauber Rocha.

O filme retrata o Brasil, seu jogo político e várias implicações de sua mistura de raças e culturas.
Abaixo segue uma sinopse do próprio Glauber Rocha:

“O filme mostra um Cristo-Pescador, o Cristo interpretado pelo Jece Valadão; um Cristo-Nengro, interpretado por Antônio Pitanga; mostra o Cristo que é o conquistador português, Dom Sebastião, interpretado por Tarcísio Meira; e mostra o Cristo Guerreiro-Ogum de Lampião, interpretado pelo Geraldo Del Rey. Quer dizer, os quatro Cavaleiros do Apocalipse que ressuscitam o Cristo no Terceiro Mundo, recontando o mito através dos quatro Evangelistas:
Mateus, Marcos, Lucas e João, cuja identidade é revelada no filme quase como se fosse um Terceiro Testamento. E o filme assume um tom profético, realmente bíblico e religioso.”

Apareçam por lá e aproveitem!


83º Oscar!


O ganhador de melhor filme "O Discurso do Rei", eleito também no Bafta, ganhou as estatuetas de ator, direção e roteiro. Assim como comentado enquanto assistíamos seria muito estranho não ganhar de melhor filme tendo ganhado esses outros.

"A Origem" também conquistou 4 Oscars: efeitos visuais, fotografia, mixagem de som(?) e edição de som(?), totalmente técnico.

"Toy Story" concorria a melhor filme, portanto era necessário que ganhasse como "Melhor Animação", certo? E conseguiu também em canção original.

"A Rede Social", filme que não me interessou muito ganhou 3.

Natalie Portman ficou com o prêmio de melhor atriz, para mim estava bem previsível.

O Raphael acertou vários chutes. O Fábio aguardava ansiosamente as homenagens. E eu adorei ver o Kirk Douglas(94 anos) fazendo palhaçadas e me impressionei com a sua simpatia.

E a nossa torcida pela nova versão de "Bravura Indômita" não deu muito certo... e pelos comentários do Carvalho, certamente não merecia mesmo!

Leslie Nielsen Tony Curtis


Estréia do Cineclube Capivara em 2011: "Bravura Indômita" (1969)


Boa tarde, amantes do Cinema!

Na 1ª sessão do ano passaremos o filme "Bravura Indômita" do diretor Henry Hathaway, que rendeu um Oscar de melhor ator ao aclamado John Wayne.
A data do retorno será 26/02.
Dia 27 é o Oscar e o filme "Bravura Indômita" dos irmãos Coen está concorrendo a 10 estatuetas.
Por isso a escolha desse filme, vamos assistir ao original.

O filme é baseado no livro de mesmo nome do escritor Charles Portis lançado em 1968.